quinta-feira, 28 de novembro de 2013

Walt Whitman

Confesso que tenho andado um pouco desactualizada no que toca à poesia. Li apenas um pouco do poema "Canto de Mim Mesmo" do Walt Whitman, ou seja, alguns excertos que encontrei na Internet. No entanto, à primeira vista parece ser fantástico, recheado de conotações. Fala de uma viagem eterna, que interpretei de diversas maneiras e, não me consigo decidir qual delas posso apresentar-vos. A poesia está um pouco em falta no nosso dia-a-dia. Os adolescente não consideram que ler poesia seja "ler", no entanto, é. Já não é algo muito procurado, mas tenho a certeza que os verdadeiros apreciadores de poesia vão gostar deste livro!
Bom final de semana! Sugestões?

Sem comentários:

Enviar um comentário